Clássicos são ícones que atravessam as décadas sem nunca sair de moda pois têm funcionalidades e qualidades únicas, que as tornam versáteis e, ao mesmo tempo, insubstituíveis. Que tal conhecer um pouco da história de alguns deles?

Roupas clássicas

Calça jeans
Criada para os mineiros da Inglaterra da década de 1850, mobilidade e durabilidade são as características que tornaram a calça jeans o maior curinga da moda.

O jeans se popularizou mundialmente nos anos 30 e, com o estilista Calvin Klein na década de 70, apareceu pela primeira vez numa passarela.

Trenchcoat
O modelo que conhecemos hoje surgiu em 1914 e foi inventado por Thomas Burberry para proteger os soldados ingleses das intempéries durante a Primeira Guerra Mundial. Há algumas décadas é considerado essencial em qualquer closet, pois é um casaco prático que corta o vento, a chuva e ainda confere muita elegância a quem usa. Lembra de Peter Sellers, em A Pantera Cor de Rosa ou Audrey Hepburn, em Bonequinha de Luxo? O trench coat caiu nas graças de muita gente, inclusive da indústria do cinema.

Vestido preto
Usado há séculos, ganhou status fashionista nos anos 20 graças a Coco Chanel: ela criava modelos minimalistas, que pudessem mostrar elegância em qualquer situação. Nas mãos da casa Givenchy tornou-se um sucesso e, hoje, é difícil encontrar alguém que não tenha um.

A versão tubinho preto, um dos maiores ícones da moda feminina, surgiu em 1960 nas mãos do estilista Yves Sain-Laurent e causou furor na sociedade. Naquela época, além dos vestidos de renda, o mercado era dominado pelas saias e vestidos rodados.

Minissaia
A minissaia foi símbolo da liberdade das mulheres nos anos 1960. No início, ela foi muito mal vista pela sociedade tradicional da época, mas foi se popularizando com a estilista Mary Quant. Hoje ela é um ícone fashion.

Biquíni
O Brasil é famoso por suas praias e roupas de banho e, por isso, muita gente pensa que o biquíni surgiu aqui. Mas, na verdade, ele foi criado pelo estilista francês Louis Réard, em 1946.

As brasileiras só tiveram acesso aos biquínis no final dos anos 1950.

Camisa
Vinda do closet masculino, ela foi adaptada para nós por – adivinhe! – Coco Chanel. Se popularizou principalmente após as guerras, quando as mulheres começaram a ocupar mais espaço no mercado de trabalho. Prática, ela é um curinga que se encaixa em quase todo look.

Filmes clássicos

Casablanca
Lançado em 1942, o filme é um clássico dos clássicos. Ele fala de amor ao mesmo tempo que ambienta sua história em meio à Segunda Guerra Mundial.

Bonequinha de Luxo
Esta comédia romântica de 1961 é um ícone do cinema. O filme deu destaque à Audrey Hepburn e sua personagem, Holly, é representada até hoje nos diversos meios artísticos como fotografia e pintura.

A Noviça Rebelde
Não tem como não se apaixonar pela noviça rebelde desse filme, lançado em 1965. Assim como Casablanca, a Segunda Guerra Mundial tem papel nesse clássico, discutindo o melhor e o pior do ser humano. Mais do que recomendado!

Músicas clássicas

Over the Rainbow
Foi composta especialmente para a trilha do filme O Mágico de Oz, outro clássico, no final da década de 1930. Ela é interpretada até hoje por artistas importantes e continua emocionando quem a escuta.

Imagine
Escrita por John Lennon em 1971, a música é considerada um hino de paz e união até hoje no mundo inteiro.

Thriller
Interpretada por Michael Jackson, “Thriller” foi lançada em 1982, mas demorou a fazer sucesso. Seu clipe, clássico até hoje, foi gravado em formato de curta-metragem com duração de 14 minutos. A coreografia criada para ele ainda é interpretada em festas e continua divertindo o público.

Outros clássicos dos quais nos orgulhamos muito foram fabricados pela primeira vez nos anos 1950. Cheios de funcionalidades benéficas como as fibras, nutrientes e ausência de gordura trans, eles permanecem como parte do dia a dia dos brasileiros até hoje e são nossa dica do dia: os pães da linha Os Clássicos Integral e Os Clássicos Preto da Wickbold.

Quais destes clássicos fazem parte da sua vida?

Fontes:
I. http://entretenimento.r7.com/cinema/fotos/os-dez-filmes-classicos-que-voce-deve-ver-antes-de-morrer-20130325-3.html#fotos; II. http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/2010/01/686101-conheca-os-50-maiores-classicos-da-literatura-mundial.shtml; III. http://www.brasilpost.com.br/2016/01/08/80-anos-billboard_n_8941316.html; IV. https://stoccomusical.wordpress.com/2014/09/10/historia-por-tras-das-musicas-somewhere-over-the-rainbow/; V. http://obaudoedu.blogspot.com.br/2011/01/imagine-john-lennon.html; VI. http://www.pop.com.br/musica/historia-videoclipe-thriller-michael-jackson/; VII.
http://www.vagalume.com.br/news/2013/02/26/ha-30-anos-thriller-de-michael-jackson-chegou-ao-topo-da-parada-americana.html; VIII.
http://casperlibero.edu.br/a-historia-da-minissaia/; IX.
http://almanaque.folha.uol.com.br/biquini.htm; X. http://mulherescharmosas.com.br/2015/06/16/terno-feminino-classico-da-moda/; XI. http://www.vagalume.com.br/news/2013/02/26/ha-30-anos-thriller-de-michael-jackson-chegou-ao-topo-da-parada-americana.html#ixzz40MFPN3RV