Quem saboreia nossos pães Grão Sabor Castanha-do-Pará e Quinoa acaba contribuindo para a conservação socioambiental do Xingu. Isso acontece porque a castanha, utilizada na fabricação deste pão, é extraída por populações ribeirinhas e indígenas da região e 100% adquirida pela Wickbold. Conheça abaixo mais informações sobre o Xingu, a importância da castanha para estas comunidades e como funciona o selo Origens Brasil, presente nas embalagens dos nossos pães.

O Xingu
O Território Xingu possui 26 milhões de hectares que abriga importantes áreas protegidas, diversas espécies de fauna e flora, além de 21 Terras Indígenas e animais ameaçados de extinção. Além das pessoas que vivem no local, o Xingu também é fundamental para o cuidado com o nosso meio ambiente. Suas árvores e solos estocam mais de 21 gigatoneladas de CO², o que significa que a floresta evitou que essa quantidade de gás fosse para a atmosfera e agravasse ainda mais o efeito estufa. Para termos a dimensão da importância do Território Xingu nesse processo, a quantidade armazenada é quase a mesma que o Brasil emitiu na atmosfera nos últimos dez anos.

A castanha
Os produtos florestais fazem parte da biodiversidade do Território Xingu e são fundamentais para a manutenção das áreas econômica, social e cultural das populações indígenas e extrativistas. A castanha-do-pará é um desses produtos e uma importante fonte de renda para as populações indígenas e ribeirinhas do Xingu. Estas comunidades desenvolveram um conhecimento notável sobre o funcionamento e o uso das florestas, que garante a utilização dos recursos naturais sem ameaçar a continuidade das espécies. Preservando o meio ambiente, nós estamos cuidando da manutenção do planeta e das espécies que vivem aqui.

A coleta da castanha-do-pará é realizada entre dezembro e maio e demanda deslocamentos de longa distância, por rios e terra. Dessa forma, é possível manter um monitoramento constante das áreas percorridas, inibindo a prática de atividades ilegais e predatórias. Além de ser uma opção relevante para geração de renda sustentável, a coleta permite que a castanha-do-pará faça parte da alimentação da população local e valoriza as práticas culturais dos indígenas. Para os extrativistas, cuidar da floresta é o único meio deles existirem como grupo sociais. O modo de vida, conhecimentos e práticas de extração estão em constante desenvolvimento e são passados de geração em geração, promovendo a diversidade socioambiental do Xingu.

Selo Origens Brasil®
E de que forma a Wickbold participa do Origens Brasil®? A marca compra 100% da castanha-do-pará extraída pela população local disponível para comercialização para a produção de seus produtos. A relação comercial feita no Origens Brasil® oferece garantia de compra, contratos de longo prazo, pagamento de preço justo, redução de intermediários e negociação direta com as populações do Xingu. Com esta ação mais de 400 pessoas das populações tradicionais e povos indígenas do Xingu são beneficiadas, o que confere à Wickbold um selo da iniciativa.

Além disso, todos os consumidores passam a conhecer a origem e a história dos produtos que consomem. As embalagens dos pães da linha Grão Sabor Castanha-do-Pará e Quinoa trazem este selo Origens Brasil com um QR code. Com o aparelho celular, é possível ter acesso às informações sobre as comunidades responsáveis pela extração de parte das castanhas-do-pará presentes nos produtos. Dessa forma, a Wickbold estreita a relação com os produtores e dá transparência a seus consumidores, apresentando informações sobre a origem da sua matéria-prima.