Assim como a prática de exercícios, manter uma alimentação balanceada é muito importante para garantir mais saúde. Para comemorar o Dia Nacional do Combate ao Colesterol – data que é celebrada no dia 8 de agosto –, nada melhor do que reunir dicas de como equilibrar o HDL e o LDL (as versões boa e ruim, respectivamente).

Quem nos ajudou nessa tarefa foi Adriana Junqueira, médica responsável pela Monitorização Ambulatorial da Pressão Alta (MAPA) do Bronstein Medicina Diagnóstica. Ela listou os alimentos que devem fazer parte da dieta para manter os níveis de colesterol em dia.  Confira:

Linhaça: “Um dos alimentos mais ricos em Ômega-3”, conta a especialista. O grão previne doenças cardiovasculares, evita coágulos, aumenta o HDL e diminui taxas de colesterol total e ruim.

Peixes: Atum, salmão, arenque, sardinha e truta são ótimas fontes de Ômega-3. “Esta é uma gordura insaturada que ajuda na redução dos níveis de triglicerídeos e do colesterol no sangue. Também reduz o risco de formação de coágulos, além de tornar o sangue mais fluido – sendo, portanto, importante aliada na prevenção das doenças cardiovasculares”.

Aveia: Rica em fibras solúveis e insolúveis, retarda o esvaziamento gástrico, dá saciedade, melhora a circulação, controla a glicemia, inibe a absorção de gordura e ainda aumenta a fração do bom colesterol.

Oleaginosas: Alimentos como nozes e castanhas são ótimas fontes de antioxidantes, que combatem o envelhecimento precoce das células, previnem os radicais livres, reduzem a pressão arterial e o risco de problemas cardíacos.

Soja: Controla problemas hormonais em mulheres na menopausa, protege o coração, diminui o LDL, aumenta o HDL e ainda fortalece o organismo contra infecções.

Laranja: “Um estudo realizado pela Universidade de Viçosa (MG) aponta que os flavonoides presentes na laranja diminuem os níveis de colesterol ruim, limitando sua absorção no organismo”.

Azeite: “É fonte de ácido oleico, que regula as taxas de colesterol e protege contra doenças cardíacas. Faz bem ao aparelho cardiocirculatório e ajuda a controlar o diabetes tipo 2, reduzindo a taxa glicêmica. É também uma grande fonte de antioxidantes, como a vitamina E”.

Viu como pode ser gostoso regular o colesterol por meio da alimentação? Que tal acrescentar estes ingredientes em sua próxima refeição?

Por Lucas Tavares