Enquanto dormimos de noite, nosso corpo passa um longo período em jejum gastando a energia que foi armazenada com as mais recentes refeições. Como resultado, nossas reservas para o funcionamento do organismo diminuem. Por causa disso, o corpo economiza energia durante o nosso sono, diminuindo o metabolismo.

O café da manhã funciona como forma de repor o que foi perdido durante a noite e fornece energia para começar o dia e normalizar o metabolismo. Além disso, estudos demonstram que a ausência dele pode aumentar o sobrepreso e a obesidade, inclusive em crianças, e o risco de desenvolvimento de algumas doenças crônicas.

Em contrapartida, as pessoas que fazem essa refeição, em especial as crianças, têm melhora na aprendizagem e na prática de diversas atividades. Ainda de acordo com estudos, o café da manhã altera positivamente a resolução de problemas e a memória.

O recomendado é realizar o café da manhã até 2 horas depois de despertar. Não precisa ser uma grande refeição, o importante é ter uma porção de nutrientes que estimule o metabolismo e alimente as diversas funções específicas do organismo.

A combinação ideal é composta por uma fruta, uma fonte de carboidratos, como pão ou torradas, e uma fonte de proteínas lácteas como leite, iogurte ou queijo. Confira uma sugestão completa e saudável aqui.

Vale a pena reservar uns minutinhos para o café da manhã. Além de todos os benefícios, ele também é uma das refeições mais gostosas do dia.

Fonte: rg nutri.