Uma boa salada é sempre a melhor amiga da dieta! Quem começou uma reeducação alimentar sabe disso – mas, às vezes, sofre para fugir da rotina com receitas diferentes. A nutricionista Ana Paula Cruz, do Hospital das Clínicas de Niterói, conta que para chegar lá é preciso abusar da criatividade. “Combinar carboidratos e proteínas com legumes, verduras e frutas é o ideal”, conta, lembrando que as saladas podem ser, além de complementos, o prato principal da refeição.

Mas qual é a importância das saladas na alimentação saudável? “Elas são fonte de vitaminas e minerais, previnem o desenvolvimento de doenças e ajudam a manter um bom funcionamento do organismo. E também auxiliam na digestão e são fontes de fibras”.

Para ajudar quem está começando a combinar ingredientes, a nutricionista indicou quatro saladas de encher os olhos. Veja abaixo:

Opção 1: Palmito + Tomate + Ovo de codorna + Alface (70 calorias)

Opção 2: Tiras de frango + Milho + Tomate seco + Agrião (88 calorias)

Opção 3: Kani + Champignon + Berinjela + Rúcula (150 calorias)

Opção 4: Atum light + Tomate seco + Mussarela de búfala + agrião (123 calorias)

E você, tem alguma receita diferente para saladas? Conte para a gente nos comentários!

Por Lucas Tavares