Já falamos aqui  sobre os benefícios da noz-pecã para a saúde. Essas oleagniosas são, entre outras coisas, fontes de gorduras boas e também contribuem com o consumo de manganês, zinco e antioxidantes, como o selênio.

Agora, chegou a hora de aprender como consumir a noz-pecã. Por ser um alimento rico em gorduras, é importante atentar-se às quantidades no prato e optar pelas versões sem adição de sal ou açúcar. Em média, recomenda-se a ingestão de três a cinco unidades ao dia, dependendo das suas necessidades individuais.

As nozes podem estar presentes em seu café da manhã ou nos lanches intermediários, consumidas em forma in natura ou adicionadas aos pães, frutas secas, leite e iogurtes. Para o almoço e o jantar, podem dar um toque especial às saladas, tortas, massas e molhos.

Um novo jeito saboroso de consumir noz-pecã é com o novo pão Grão Sabor 100% Integral Freekeh e Noz-Pecã. Conheça mais detalhes desse lançamento aqui.