Arrumar a mala é uma delícia, faz parte da viagem. Boa parte da diversão de viajar é o planejamento e a mala faz parte dele , por isso organização é fundamental nesta etapa.  A dica principal da consultora de estilo Fabiana Correa é: Levar menos descomplica a viagem e os traslados, gera menos bagunça no hotel e você ganha tempo pra conhecer o lugar em que está em vez de ficar organizando mala”. Em outras palavras: descomplique. 

Veja as dicas da consultora para viagens curtas, médias e longas. Algumas dicas valem para mais de um dos três tipos de viagem.

Para viagens curtas (cerca de 2, 3 dias):

  • Leve uma pequena malinha de emergência no avião. Caso sua bagagem demore ou se extravie, você terá uma camiseta e roupa íntima para passar o dia;

  • Em viagens curtas, é super gostoso ir com a mala bem harmonica em termos de cores, então a dica é levar pouca coisa e caprichar nos acessórios;
  • Como a viagem é curta, a ideia é não perder tempo. Para isso, monte os looks em casa: faça as combinações em cima da cama, tire fotos e leve no celular pra não esquecer e perder tempo de manhã. Fica fácil e prático.

Para viagens médias (em torno de 1 semana):

  • Cheque a previsão do tempo e escolha as suas roupas de acordo com ela, sempre considerando que o clima pode mudar, então mesmo que vá para uma praia do nordeste, incluir um casaquinho pro fim de tarde pra cortar o vento não custa nada;
  • Sempre é bom levar uma roupa mais arrumadinha para sair. Vai que pinta uma festa bacana! Esteja preparado/a com um vestido, um blazer, uma camisa especial. Leve também peças que possam ser sobrepostas para formar um look mais quentinho, principalmente se você vai para lugares com temperaturas que oscilam muito entre dia e noite;
  • Leve acessórios pra mudar de visual. Colar, echarpe, chapéu, bijus, cintos. Duas ou três bolsas para as mulheres: uma carteira para a noite, uma mochila confortável para levar o dia todo e outra média. A sacola de praia pode entrar no lugar da mochila;
  • Ponha na mala só o que você já sabe que usa e o que adora. É o melhor momento do ano, não vá levar o que você não curte e nem algo que não usou o ano inteiro.

Para viagens longas (maiores que 1 semana):

  • Considere lavar roupa onde for se hospedar, assim sua mala não vai abarrotada. Consulte o hotel para saber se há lavanderia/secadora de roupas;
  • Mantenha a proporção de uma parte de baixo para duas ou três de cima. Se você for para um lugar em que se suja mais roupa, como praia ou fazenda, leve uma parte de baixo para duas de cima;
  • Mudar de país pede roupas diferentes. Procure levar a parte de baixo mais básica, como uma calça de algodão ou brim bem confortável. Pense que as roupas precisam ser versáteis por conta da diferença de temperatura que você pode encontrar. Um jeans com elastano ou uma calça de sarja, por exemplo, aguentam tanto um dia mais frio quanto um mais quente;
  • Se você vai para um destino de compras, deixe espaço na mala ou, de preferência, compre uma sacola levinha por lá mesmo. O recomendado é deixar a mala com 30% do espaço livre. E vá acomodando os produtos novos à medida que faz as compras para não ficar com um problemão no dia de volta;
  • Sapatos pesam! Leve algo que seja confortável e que possa ser usado com quase todo o resto. Quem vai andar o dia todo precisa de sapatilhas macias ou tênis. Não precisa ser, exatamente, os de caminhada. Um par de tênis com estilo, que possa ser usado à noite também para uma baladinha ou um jantar, salva a pátria. Coloque cada par em saquinhos de tecido.