Você já ouviu falar em Medicina Ayurvédica? Ela nasceu na Índia há mais de 5 mil anos A.C. e ainda é a medicina oficial deste país. A palavra ayurveda pode ser traduzida como “ciência da vida”, pois afirma que tudo no universo, inclusive nosso corpo físico, é formado pelos 5 elementos básicos da natureza: ar, água, fogo, terra e éter (espaço). O objetivo desta medicina é estudar as influências destes elementos na natureza e no ser humano. Dentro deste estudo, há diversas ferramentas e uma delas é a massagem ayurvédica.

“A massagem ayurvédica busca melhorar, nutrir e harmonizar o indivíduo que está fora de equilíbrio. Não vemos as pessoas de maneira fracionada, mas, sim, integradas de maneira mental, física e psíquica, explica Marco Antônio Fornari, fisioterapeuta e docente de massoterapia do Senac Largo Treze. E então descobrimos por que os ayurvédicos falam em dosha.

Esses elementos que formam tudo ao redor de nós se unem e, de dois em dois, formam os doshas, as caracterizações dos perfis biológicos das pessoas. Existem três doshas: Pitta, Vata e Kapha, sendo que cada um deles apresenta determinadas características. Todos os indivíduos possuem os três doshas, mas sempre há um tipo predominante, conta o professor. O dosha Pitta, por exemplo, é formado por fogo e água. São pessoas mais dinâmicas, energéticas, firmes ao falar, com pouca tolerância, bom físico, não gostam de pular refeições. Quando ficam doentes, é de forma acentuada, têm o metabolismo acelerado, gostam de sentir o corpo em movimento, afirma Marco. Algumas doenças que podem estar relacionadas ao dosha Pitta são gastrite, diarreia, inflamações, crises de fúria, enxaqueca e estresse.

Mas como identificamos nosso dosha? Pelas características físicas, emocionais e metabólicas. O indivíduo deve se consultar com o médico ayurvédico, que vai avaliá-lo e entender qual óleo é o melhor para ele no momento da massagem, como deve ser a alimentação, etc., afirma o professor. Cada dosha possui um óleo vegetal adequado para a massagem, que é sempre feita com movimentos de pressão média e em cinco posições: com a pessoa sentada, de barriga para baixo, barriga para cima, do lado direito e do lado esquerdo.

Os benefícios da massagem ayurvédica são inúmeros: relaxar, aliviar tensões, melhorar a concentração e dores localizadas, favorecer a circulação sanguínea, fortalecer o sistema imunológico, entre outros.

Se você já teve contato com a medicina ou a massagem ayurvédica, conte aqui para a gente!

Quer dicas para aliviar as dores com massagens caseiras? Experimente algumas técnicas aqui.