Você questiona seus desejos de consumo – ou é consumido por eles? Em tempos de recursos escassos, como é o caso da água, aprender a consumir de maneira consciente significa pensar nas consequências que cada compra traz para a vida no planeta. Parece complicado? Nem um pouco. Nada mais é do que pensar duas vezes se realmente precisa de um produto, além de considerar se aquela marca ou empresa merece seu apoio, entre outros questionamentos fundamentais. Confira 5 atitudes que podem mudar para melhorar sua relação com o consumo:

1. No supermercado, você faz uma enorme compra para o mês e depois acaba jogando alguma coisa fora? Que tal diminuir a frequência para pequenas compras semanais? Isso faz com que avalie melhor o que está consumindo e diminui o desperdício.

2. Repense sua relação com os produtos descartáveis. Há objetos duráveis que podem substituí-los? Levar (e lavar) sua caneca para o chá ou café, no trabalho, é um bom exemplo.

3. Em vez de trocar o celular sempre que sai um modelo novo, espere um pouco mais. Use os produtos até o fim de sua vida útil e resgate o hábito de consertar o que quebrou. Por fim, quando for descartar um eletrônico antigo, procure um posto de reciclagem.

4. Ao comprar um produto, procure saber como a empresa que o produz  se relaciona com sustentabilidade em diversos níveis –da maneira como trata os funcionários à sua conduta ética e ambiental. Lembre-se: sempre que consome algo, está apoiando a forma de agir e de produzir daquela marca ou empresa.

5. Ensine as crianças a consumir de forma consciente. Uma boa maneira é brincar com o assunto “De onde vêm as coisas?”, mostrando que tudo tem um processo de produção. A crise da água pode ser um bom começo para esse aprendizado: armazene a água da chuva, mostrando o quanto esse é um bem valioso para o planeta. O sabor de uma vida melhor começa com o consumo consciente!

Fonte consultada: Instituto Akatu de Consumo Consciente www.akatu.org.br/