Esse é um dilema diário: o que as crianças devem levar para o lanche na escola? Frutas e cereais são ótimas opções, mas os pequeninos geralmente torcem o nariz e preferem guloseimas cheias de calorias. O segredo é o equilíbrio! Pensando nisso, pedimos para as nutricionistas Mileni Nigro Malavazi e Paula Leme Caro prepararem um guia bem prático. São três passos para estimular a imaginação na hora de preparar o lanche dos filhos para a escola.  Vamos lá?  


1. Conservar os alimentos

Não tem jeito: Sem o armazenamento correto, os alimentos perdem os nutrientes e até o sabor depois de horas na lancheira. Por isso, as frutas e lanches devem ser embrulhados em guardanapos ou papel-filme. Só depois disso você deve guardá-los em potes de plástico.

Por falar em frutas, escolha as mais práticas e resistentes, que não escurecem depois de cortadas em pedaços. Boas opções são morango, manga, uva, melão e kiwi.

E para as bebidas não perderem os nutrientes? No caso dos sucos e da água de coco, uma saída é optar pelas versões em caixinha. A embalagem longa vida é uma forma de garantir a qualidade do produto em temperatura ambiente.

Para ajudar nesse processo, prepare e guarde tudo o mais próximo possível do horário que seu filho vai sair de casa. Lembre-se que o tipo de lancheira interfere. As garrafas devem ser térmicas e ela deve ser inteira lavável. E, claro: Não se esqueça de limpá-las todos os dias!

2. O que comer

Na hora de montar o lanche, alguns nutrientes são essenciais:

Carboidrato: Ele fornecerá a energia e concentração na aula, geralmente na forma de: pão integral ou bisnaguinha, biscoitos integrais doces ou salgados, barra de cereais e bolos simples.

Proteína: Fonte de cálcio e ferro, que é encontrada em iogurtes desnatados, queijo branco, peito de peru, sardinha e atum.

Vitaminas, minerais e fibras: Para o bom funcionamento do organismo e manutenção da saúde. Está presente em frutas, sucos naturais, água de coco, vegetais, purê ou barra de frutas.

3. Cardápio para uma semana

Abaixo, sugerimos um cardápio variado para você incrementar a lancheira do seu filho durante uma semana:

Segunda: Água de coco + Pão de forma com queijo branco e cenoura ralada + kiwi

Terça: Iogurte + Biscoito integral salgado + Banana

Quarta: Suco de caixinha + Bisnaguinha com queijo, peito de peru e requeijão + cenoura baby

Quinta: Iogurte + Cereal integral + Morangos

Sexta: Suco de fruta + Pão integral com pasta de atum e alface + Barra de frutas

Viu como é fácil? É tudo uma questão de organização. Montar um cardápio semanal como o acima é uma dica para gastar o mínimo de tempo possível no processo. A criançada agradece!