Linhaça, a semente do linho: rica em fibras e ômega 3, auxilia o funcionamento do intestino e ajuda no emagrecimento, entre outras coisas!

Provavelmente você já viu ou ouviu falar da linhaça, mas talvez não conheça todos seus benefícios. Veja aqui porque a semente é considerada um dos alimentos funcionais mais poderosos.

Composta de gordura, fibras, proteína e carboidratos, o grão de linhaça é versátil e pode ser consumido in natura, inteiro ou moído, acrescentado sobre os alimentos como frutas ou iogurte e também utilizado na preparação de pães, bolos e biscoitos.

A linhaça tem uma grande quantidade de ácidos graxos do tipo ômega 3, que combatem as obstruções em artérias, prevenindo doenças do coração.

Na casca da semente há grande concentração de vitamina E, que ajuda no funcionamento celular, prevenindo o envelhecimento precoce e doenças degenerativas.

Motivos não faltam para incluir a linhaça em seu cardápio:

O consumo frequente da linhaça fortalece o sistema digestivo e o funcionamento do intestino, o que consequentemente deixa a pele mais bonita e viçosa. A linhaça é considerada um alimento funcional por suas muitas propriedades nutricionais básicas e preventivas, tem  componentes desintoxicantes, antioxidantes e anticancerígenos. Incluí-la na dieta reduz o colesterol, auxilia no emagrecimento e diminui os sintomas da menopausa como suores e dores de cabeça.

“A linhaça é uma ótima fonte de ômega 3, que auxilia na memória e ajuda a manter níveis saudáveis de colesterol. Também é rica em fibras que auxiliam no funcionamento intestinal e aumentam a saciedade”, endossa a nutricionista Maria Fernanda Cortez, da Nutri & Consult.

Fonte: Iara Waitzberg Lewinski, Nutricionista Clínica
Maria Fernanda Cortez, Nutricionista www.nutrieconsult.com.br