Uma alimentação equilibrada é essencial para que as crianças cresçam fortes e saudáveis! Para alcançar esse cardápio ideal, é preciso estar atento às quantidades de carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais no prato. Mas qual é a exata função de cada um desses nutrientes no desenvolvimento dos pequenos?

Segundo a nutricionista Flávia Molina, da consultoria infantil Caçarola, todos os nutrientes são essenciais para garantir uma alimentação completa aos pequenos. Mesmo assim, alguns precisam de uma atenção especial durante a fase de crescimento. São eles:

Carboidratos: Principal fonte de energia, largamente utilizada no processo de crescimento;

Proteínas: Matéria-prima para a divisão celular, e importante para o fortalecimento de músculos e articulações;

Vitamina A: Aumenta a resistência contra doenças infecciosas;

Vitamina C: Regula o funcionamento do intestino, aumenta as defesas do corpo e a absorção do ferro;

Cálcio: Importante para a formação dos ossos e dentes;

Ferro: Previne a anemia e ajuda no transporte de oxigênio;

Zinco: É protetor do sistema imunológico.

A especialista alerta que a ausência ou desequilíbrio no consumo desses nutrientes pode trazer problemas ao desenvolvimento das crianças, como a baixa estatura, a fadiga e o mal estar. “Alguns cuidados devem ser tomados em relação à ingestão de alguns itens em especial, como proteínas, vitaminas A e C, cálcio e ferro”, completa.

Entendendo melhor as funções de cada nutriente, fica mais fácil equilibrar as escolhas no prato e na lancheira das crianças! O que acha de analisar o cardápio da última semana, e verificar se todos os itens acima estavam presentes?

Por Lucas Tavares e Marina Oliveira