Doar sangue é super simples e salva milhares de vidas. Todos, um dia, podem precisar de doação, seja por conta de um acidente ou de uma cirurgia. Ainda assim, muita gente tem medo ou receio de doar. Algumas pessoas acham que enfraquece o sangue, que vai se sentir debilitado ou até contrair alguma doença. Nada disso, pessoal! É importante esclarecer que o processo de doação é simples, rápido e seguro. E, como a ciência ainda não encontrou um substituto para o sangue humano, é imprescindível que a doação aconteça.

Abaixo, algumas curiosidades sobre a doação de sangue:

. Quatro é o número de vidas que podem ser salvas com cada doação de sangue;

. A doação de sangue não engrossa nem afina o sangue;

. Doando sangue você não ganha nem perde peso;

. Mulheres podem doar sangue mesmo no período menstrual;

. A doação de sangue não oferece ao doador e nem a quem está recebendo o sangue risco de contrair doenças infecciosas. Portanto, você não corre risco de contrair AIDS ou Hepatite com a doação de sangue;

. O sangue doado é testado para seis doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatite B, Hepatite C, HIV, HTLV, Sífilis e doença de Chagas.

Existem alguns requisitos básicos para poder ser um doador de sangue. São eles:

» Estar em boas condições de saúde;

» Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, clique para ver documentos necessários e formulário de autorização);

» Pesar no mínimo 50kg;

» Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas);

» Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação);

» Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho ou Previdência Social).

É importante respeitar os intervalos para doação:

» Homens – 60 dias (máximo de 04 doações nos últimos 12 meses).

» Mulheres – 90 dias (máximo de 03 doações nos últimos 12 meses).


Aqui, você confere  quem pode doar para quem.

 

 Para saber mais sobre a doação de sangue, acesse o site da Fundação Pró-Sangue: http://www.prosangue.sp.gov.br/

Procure um banco de sangue voluntariamente. Ajude a salvar vidas!

Fonte: Fundação Pró-Sangue